Nome sujo, como assim?

Essa dúvida assola muitos brasileiros e de forma recorrente você ouve que “fulano tem o nome sujo”, mas ninguém se preocupa em te explicar como se prevenir ou como resolver essa situação, mas calma que vamos te explicar direitinho o que é e como fazer para “limpar” o seu nome do Serasa.

Você sabia que nome sujo vem da expressão popular “ter nome sujo na praça”? Essa expressão era muito utilizada no passado, pois a maioria das lojas que trabalhavam com o sistema de crediário ficava nos centros das grandes cidades, justamente onde se localizavam as principais praças. Por esse motivo, caso os pagamentos não fossem feitos nas datas combinadas, o devedor passava a ser conhecido como alguém que tinha o nome sujo na praça.

O que “suja” é sua credibilidade que está atrelada ao Cadastro de Pessoas Físicas, ou seja o seu CPF, é através desse número que suas informações circulam no meio dos sistemas de crédito utilizados atualmente.

Mas o que suja o seu nome no Serasa?

Primeiramente, ter o nome sujo significa que, pela falta de algum pagamento, você foi cadastrado em algum dos órgãos de proteção ao crédito.

Após 15 dias do vencimento, o credor pode realizar esse cadastro negativo com o nome e CPF. Vale lembrar que esse pagamento inexistente pode ocorrer de muitas maneiras:

  • cheques sem fundos que são devolvidos pela segunda vez por algum banco;
  • não pagamento de parcelas e boletos de algum parcelamento em lojas de varejo;
  • não pagamento das faturas do cartão de crédito;
  • não cumprimento de acordos e parcelamentos de dívida;
  • inadimplência em aluguel de imóveis ou condomínio;
  • Participação em empresa que declarou falência.

Como manter meu nome limpo ou limpar meu nome no Serasa?

Primeiro passo é saber se seu nome está em alguma das situações acima, é importante monitorar seu CPF. Ser notificado de qualquer mudança no seu nome, se você foi consultado, e ficar no controle das suas informações. Basta acessar o Serasa Antifraude e escolher o melhor plano para o seu perfil e que caiba no seu bolso.

O primeiro passo para limpar o nome é descobrir qual empresa colocou o seu nome como sujo. Isso parece óbvio, porém, muitas vezes, as dívidas são tão antigas, que nem nos lembramos de onde elas vieram.

Assim que identificar as suas dívidas, você deve procurar imediatamente o credor em busca de analisar as opções de acordo para a quitação.

Se você tem o débito há bastante tempo, pode ser difícil encontrar o contato correto do credor para fazer essa negociação, mas não se preocupe! Atualmente, existem plataformas digitais que concentram em um único lugar as suas dívidas, oferecendo propostas que podem ser acessadas e contratadas de modo 100% online.

Agora que você já sabe tudo sobre como limpar seu nome fique atento pois possuir crédito é algo importante e traz uma série de facilidades como a possibilidade de alugar um imóvel, abrir uma conta-corrente ou fazer um tão sonhado financiamento para o carro ou casa própria. 
Gostou do assunto, isso te ajudou? Compartilhe com outras informações.